Vida Consciente

Por que você deve evitar o uso de filme de PVC e usar esses substitutos

Por que você deve evitar o uso de filme de PVC e usar esses substitutos


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

É prática, barata, flexível e um pouco pegajosa, e é a queridinha de muitas donas de casa e principalmente dos mercados e mercearias, quando se trata de “conservar” alimentos. Estamos falando sobre o filme plástico ou filme de PVC. E qual é o problema disso?

O problema está justamente no descarte desse material, pois devido aos componentes que o tornam flexível, torna-se um plástico difícil de reciclar e, como tantos outros resíduos plásticos, vai parar em aterros que levam anos para se decompor o pior de tudo é que muitas vezes chegam aos oceanos, matando animais indefesos que confundem pedaços de plástico com comida.

Infelizmente muitas de nossas atitudes são impensáveis, vendo apenas a praticidade da vida cotidiana e o conforto da vida moderna. Só que não é assim que devemos agir, é?

Se existem alternativas que podem minimizar o impacto ambiental causado pelos nossos hábitos modernos, por que não aprender e aderir a elas? Portanto, vamos aprender o que é filme plástico se ele pode ser reciclado e as opções para substituí-lo.

O que é filme plástico?

Filme de PVC (cloreto de polivinila) ou filme plástico é um plástico de baixa densidade, também chamado de LDPE, que amolece a baixas temperaturas, queima como uma vela e tem uma superfície lisa e “cerosa”.

O PEBD é flexível, leve, transparente e à prova d'água, sendo amplamente utilizado para fazer filmes para embalagens de alimentos, sacos industriais, sacos de lixo e os polêmicos sacos de mercearia.

De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, aproximadamente 500 bilhões a 1 trilhão de sacolas plásticas são consumidas em todo o mundo anualmente. No entanto, as sacolas plásticas podem ser recicladas, mas o filme plástico?

O filme plástico é reciclável?

Sim, o filme plástico é reciclável e você pode até criar outros produtos a partir dele. Porém, esse processo é um pouco complicado, principalmente no Brasil, onde quase não há postos de reciclagem, ou a coleta é praticamente nula.

Por isso, nossa missão é buscar estações de reciclagem que recebam esse tipo de material e trazer o filme plástico já limpo e sem resíduos. Busca informar sobre o processo de reciclagem que será realizado nesta posição, pois se realizado de forma incorreta pode liberar substâncias tóxicas que poluem o meio ambiente.

Infelizmente, o filme plástico não pode ser reciclado junto com outras embalagens plásticas, pois se forem colocadas no incinerador, liberam dioxinas que, além de poluir o meio ambiente, colocam em risco a saúde humana pelo risco de câncer .

Portanto, a melhor maneira de reciclar filme plástico é não usá-lo!

Tempo de decomposição

O plástico leva pelo menos 100 anos para se decompor, o que inclui sacos plásticos e até mesmo filme de PVC. Portanto, a melhor alternativa é substituir o plástico por produtos biodegradáveis ​​ou mesmo por simples truques que já temos em casa, como veremos a seguir.

Alternativas para substituir o filme plástico

Como o filme plástico é tão prejudicial ao meio ambiente e o processo de reciclagem é tão complicado, podemos buscar algumas alternativas reutilizáveis ​​para que não precisemos mais dele.

VIDROS

Alguns recipientes como potes de margarina ou mesmo aqueles que compramos em lojas de serviços públicos são melhores do que embalagens plásticas. Porém, o ideal é escolher os de vidro, já que até potes de plástico podem liberar toxinas nos alimentos. Existem muitas marcas no mercado que informam se o plástico utilizado na produção dos potes é livre de BPA, portanto, leia as informações no rótulo do produto.

SILICONE CAPS (SILICONE)

Outra alternativa para conservar alimentos são as tampas de silicone adaptáveis ​​a vários tamanhos de recipientes. Eles podem ser uma ótima alternativa ao filme plástico, desde que sejam feitos com silicone totalmente atóxico. Portanto, certifique-se de que o produto tenha uma etiqueta que contenha essas informações.

PARA DESCANSAR A MASSA

Para receitas de massa que peça, deixe repousar com papel filme, as substituições são as seguintes:

Se tiver que deixar a massa na geladeira, espalhe um pouco de óleo e coloque em um prato na geladeira. Para massas que precisam descansar por muito tempo, como pão ou pizza, coloque-as em uma tigela de vidro e cubra com um pano úmido.

Se ainda assim, não dá para ficar sem filme plástico, talvez seja o caso de esperar pelo bioplástico, um tipo de filme plástico biodegradável feito de matéria-prima vegetal.

Pesquisadores da USP tentam patentear uma alternativa sustentável ao filme plástico, que é produzido com fécula de mandioca, mas segundo eles é preciso criar um modelo de produção que atenda a necessidade da indústria.

Enquanto isso, continuamos buscando alternativas para conservar alimentos sem a necessidade de filme plástico.

Algumas iniciativas, como a de Fe Cortez do Canal “Menos 1 lixo”, dão conselhos para isso. Segundo ela, o filme plástico não é a melhor forma de conservar os alimentos, já que além do índice de reciclagem desse material ser de apenas 17%, os alimentos embalados com filme plástico não respiram.

Sem contar que muitos alimentos orgânicos, cujo objetivo é conservar o solo e reduzir os impactos ambientais, são embalados com isopor e filme plástico, ou seja, abandonam o propósito de conservar o meio ambiente, lembra Cortez.

Por isso, traz algumas dicas de como retirar o filme plástico do dia a dia.

Entre as dicas, além dos potes de plástico ou de vidro, que discutimos acima, ela também sugere:

1 tigela (tigela) e 1 prato que pode cobrir os alimentos e ainda pode ser empilhado na geladeira; guardanapo de pano ou pedaços de pano para embalar sanduíches; embalagem de tecido coberto com uma resina de mel. São uma novidade no mercado, são dobráveis ​​e moldáveis ​​ao calor das mãos, podendo ainda ser lavados e reaproveitados.

Bem, essas foram apenas algumas dicas para evitar a necessidade de usar filme plástico para conservar alimentos, como fazíamos anos atrás automaticamente.

Se você já usa ou tem alguma ideia útil para fazer essa troca, compartilhe com o máximo de pessoas que puder para que possamos participar e melhorar a saúde do nosso planeta!

Eliane Oliveira
Artigo original (em português)


Vídeo: COMO ENXERTAR ROSA DO DESERTO DE GALHO (Junho 2022).