TEMAS

Remédios para caspa oleosa: aqui estão os principais!

Remédios para caspa oleosa: aqui estão os principais!


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

caspa oleosa representa uma desvantagem bastante difundida e muito irritante. Em alguns casos, pode começar lentamente, com as roupas escuras aparecendo gradualmente com pequenos flocos brancos. Em outros casos, porém, o problema se manifesta de forma mais repentina, levando as pessoas afetadas pelo fenômeno a se perguntarem o que o desencadeou.

Se ao acima, adicionarmos o fato de que existem diferentes tipos de caspa, e que todo tipo de caspa merece um remédio particular e específico, segue-se que o problema merece ser tratado com atenção particular.
Portanto, vamos tentar entender quais são as características da caspa, como distinguir a caspa oleosa de outros tipos de caspa e como remediá-la!

O que é caspa

Podemos primeiro definir o caspa como aquela afecção da pele que se caracteriza principalmente por escamas brancas nos cabelos, que muitas vezes “descem” nos ombros, contribuindo para a conhecida imperfeição.

Freqüentemente, a caspa também é acompanhada por sintomas como inflamação e coceira no couro cabeludo. Embora seja uma condição frustrante para o cabelo, a boa notícia é que é tratável. Mas antes de iniciar qualquer tratamento, é essencial tentar entender que tipo de caspa você tem na cabeça.

Leia também:Remédios anticaspa com produtos naturais

Diferentes tipos de caspa: oleosa e mais

caspa oleosa, como veremos, não é o único tipo de caspa que pode afetar qualquer pessoa.

Por exemplo, observe como a caspa geralmente se desenvolve em pessoas que geralmente têm pele seca. A pele seca pode ser resultado do frio típico dos meses de inverno ou do não uso regular do xampu certo. Pessoas com cabelos crespos também sofrem com o couro cabeludo mais seco do que outros tipos de cabelo, com o uso do xampu de sulfato que cria muita espuma e pode agravar a caspa ligada à pele seca.
Portanto, o primeiro tipo de caspa é a caspa seca, com sensação de "tensão" no couro cabeludo e pequenos flocos brancos e redondos de cabelo seco.

O oposto da caspa seca é o protagonista do nosso estudo atual, o caspa oleosa.
O sebo é o óleo natural produzido pelas glândulas sebáceas para hidratar os cabelos e a pele e evitar que sequem. A gordura natural também tem o objetivo de evitar os sinais de envelhecimento. No entanto, às vezes seu corpo pode começar a produzir sebo em excesso. E essa superprodução pode ser resultado da puberdade, gravidez, estresse ou um shampoo que não é adequado para o seu cabelo e couro cabeludo. Quando o excesso de sebo se mistura com sujeira e células mortas da pele, forma-se caspa. Os principais sintomas da caspa oleosa são a presença de flocos de caspa amarelados ou esbranquiçados no couro cabeludo, acompanhados de coceira e cabelos oleosos.

Outro tipo de caspa é a causada pelo acúmulo de produto na cabeça. Em particular, se você é uma pessoa cuja rotina de penteado consiste na aplicação constante de produtos, provavelmente deve manter essa tendência em mente. Na verdade, lembre-se de que o uso de quantidades excessivas de produtos de estilo como condicionadores, géis, soros, pomadas, mousses ou sprays para o cabelo podem fazer com que eles se acumulem no couro cabeludo. Esse acúmulo pode se combinar com sujeira e células mortas da pele para promover a formação de caspa e, em alguns casos, pode até levar à queda de cabelo. Os sintomas desse tipo de caspa são causados ​​pela presença de grandes flocos esbranquiçados no couro cabeludo, acompanhados de irritação e queda de cabelo.

Podemos, portanto, distinguir a caspa causada por dermatite seborréica. A dermatite seborréica é uma doença inflamatória crônica da pele que pode se desenvolver em partes do corpo onde há maior concentração de glândulas sebáceas. Ou seja, em áreas que incluem couro cabeludo, pescoço, atrás das orelhas, rosto e sobrancelhas. Vários estudos mostram que isso geralmente é causado por uma reação inflamatória ao fermento que ocorre naturalmente na superfície da pele. O estresse e as alterações hormonais podem favorecer esse quadro, que se manifesta com flocos de caspa maiores que os de outros tipos de caspa, juntamente com manchas escamosas, oleosidade, vermelhidão, irritação na pele.

Também não podemos deixar de fazer uma breve menção à caspa causada pela psoríase, uma doença crônica da pele em que o sistema imunológico começa a atacar os tecidos saudáveis ​​da pele. Isso leva à rápida produção de novas células da pele antes que a velha pele morta tenha a chance de descamar. O resultado é a formação de manchas espessas, escamosas e prateadas no couro cabeludo, pescoço, joelhos e costas. Os principais sintomas são manchas escamosas prateadas, escamas brancas grandes e grossas no couro cabeludo, vermelhidão e coceira leve.

Remédios para caspa

Para uma pessoa que sofre de caspa, essa condição pode ser particularmente difícil de lidar e é agravada por vários aspectos psicológicos, como o surgimento de constrangimento ou vergonha quando em companhia.
Em todo caso, a boa notícia, como antecipamos no início da discussão, é que a caspa pode ser tratada com bastante facilidade com a ajuda de alguns produtos e seguindo algumas dicas simples.

Produtos contra caspa oleosa

A primeira coisa que podemos compartilhar é que existem muitos shampoos anticaspa que podem ser usados ​​para se livrar da caspa permanentemente. Portanto, tudo o que você precisa fazer é comprar um que contenha cetoconazol, ácido salicílico, sulfeto de selênio ou piritiona de zinco. Claro, considerando que existe um shampoo que é útil para qualquer tipo de caspa, é uma boa ideia falar primeiro com o seu médico.

Outros remédios

Também é bom lembrar que existem alguns nutrientes vitais que você precisa incluir em sua dieta para prevenir ou tratar a caspa, como zinco, vitaminas B e gorduras.
Além disso, evite optar por tratamentos químicos excessivos para o cabelo, como permanentes, tinturas e outras técnicas de clareamento / coloração. Escove e lave o cabelo com um shampoo sem sulfato regularmente e evite tocar no cabelo o tempo todo!


Vídeo: CASPA NUNCA MAIS - Acabe com a Caspa de Forma Eficaz!!! (Julho 2022).


Comentários:

  1. Key

    I find it to be the lie.

  2. Codie

    eu considero, que você cometeu um erro. Eu posso provar. Escreva para mim em PM, vamos conversar.

  3. Ayman

    Como assim?



Escreve uma mensagem